O Blog para quem gosta de curiosidades históricas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

9 de set de 2014

10 curiosidades sobre Hitler


10 curiosidades sobre Hitler

Ele foi um dos mais cruéis ditadores da História. Comandou com mão de ferro o seu exército e oprimiu metade do Mundo na sua busca pela “raça perfeita”. Sua loucura acabou sendo alvo da curiosidade em todos os cantos do mundo. Esse post mostra 10 curiosidades sobre o Führer. 
Confira:
1. Hitler era austríaco. Ele nasceu numa cidadezinha chamada Braunau am Inn localizada no norte da Áustria, que na época do nascimento de Hitler fazia parte do Império Áustro-Húngaro. Ele só se tornou cidadão alemão em 1932. 
2. Hitler foi um sobrenome gerado pelo erro de um padre. O pai de Hitler era filho ilegítimo e, por isto, não tinha o sobrenome de seu pai. Depois que o avô de Hitler morreu, o pai dele conseguiu que um sacerdote lhe concedesse o reconhecimento da paternidade. Na hora de escrever o nome, trocou Hiedler por Hitler. Daí ficou assim mesmo. 
3. Hitler reprovou um ano e deixou a escola aos 16. Sabe por quê? Seu pai queria que ele fosse um tipo de servidor público, Hitler queria ser… adivinha… pintor (não é de parede e sim de quadros). Depois que seu pai morreu, Hitler deixou a escola e foi se aventurar em Viena às custas da pensão que recebia por causa do pai. A Academia de Belas Artes de Viena rejeitou sua filiação duas vezes, argumentando que ele tinha mais talento para Arquitetura. Mas não é que Hitler conseguiu vender várias de suas pinturas? 
4. Hitler foi um soldado que combateu na Primeira Guerra. Em 1918, já no final da Guerra, Hitler chegou a um hospital de campanha vítima de um ataque com gás mostarda (Sabe quem produzia este gás para os alemães na II Guerra? A Bayer). Alguns psicólogos dizem que, embora o gás pudesse causar cegueira, Hitler ficou cego por três dias como resultado de uma conversão histérica. Traduzindo: era algo criado por sua mente.
5. Hitler escreveu um livro chamado Mein Kampf (Minha Luta) que serviu de base ideológica para todas as suas loucuras. Ele queria tanto que seu livro fosse lido que dava cópias dele até como presente de casamento.
6. No dia 20 de abril de 1945, enquanto o exército soviético ia entrando em Berlim, Hitler comemorava seu 56º aniversário no seu abrigo. Um de seus generais mandou distribuir chocolates às tropas em honra ao aniversário do Führer. 
7. Para garantir que o cianureto que tomaria para se matar era eficiente, Hitler fez um teste em sua cachorra. A coitadinha morreu, é claro. 
8. Hitler era vegetariano, odiava cigarro, mas era fanático por doces. 
9. Em termos amorosos, sua maior paixão foi sua sobrinha, Geil Raubal, uma jovem de seus vinte e poucos anos. Hitler não a deixava sair, restringia sua liberdade até que ela não aguentou, e um dia se matou. Hitler quase pirou. Durante toda a década de 30, Hitler relacionou-se com várias mulheres mas ao final sempre voltava aos braços de Eva Braun, com se casou na véspera de seu suicídio. Eva Braun foi tão fiel a Hitler, que se matou junto com ele. 
10. Hitler se vangloriava de não receber um só tostão do Estado, já que na época ele se recusou a receber o salário que tinha direito como Chanceler alemão. Pura demagogia….Além de Hitler utilizar toda a máquina do Estado para viver (comida, viagens e varias casas oficiais), ele recebeu fortunas pelos direitos autorais do seu livro, “Mein Kempf” que vendeu milhões de cópias, já que naquela época pegava mal uma família não ter um exemplar desse livro em casa !

10 comentários:

  1. Mauro, meus parabéns pelo artigo, muito esclarecedor. Hitler ainda sim, é um mistério e creio que houve algo maior do que sua ideologia por trás dessa matança.
    E às vezes, fico pensando Se Hitler tivesse sido pintor? Será que a Segunda Guerra seria adiada? Ou outro ditador ainda pior surgiria?

    Enfim...

    Muito obrigada pela visita no Livros e Nerdices, peguei o código de seu button!

    E meus parabéns mais uma vez pelo excelente blog!
    Até mais!

    ResponderExcluir
  2. Olá Mauro!

    Meu filho alguns meses atrás fez um trabalho para a escola falado do Hitler...pena que eu não te conhecia. Poderia ter aproveitado essas curiosidades.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  3. Oi Mauro. Como vai?
    Muito importante o seu artigo, tal como todos os que tenho lido. Não tinha conhecimento de alguns factos. Não sei se as pessoas, quando nascem, já trazem os genes daquilo que vão ser no futuro. Penso que a ciência que estuda essa área é a Antropologia. Desconheço totalmente.
    Um dia recebi uma revista, da qual era assinante, cujo título me deu que pensar. Escrita em grandes caracteres lia-se o seguinte, sob a sua foto quando bébé: "Este bébé matou e mandou matar milhões de seres humanos." Ao lê-la, e apesar de saber, fiquei arrepiada.
    Será que o nome terá, também, algo a ver com a personalidade que se vai formando ao longo da existência? Não conheço ninguém que "carregue esse fardo." Poderia ser desastroso.
    Hitler queria uma raça perfeita, genuína. Se a sua mente não fosse diabólica compreenderia que ninguém no mundo é perfeito.
    E, o que digo e penso muitas vezes é que: se o tivessem morto logo que ele começou com a carnificina, ter-se-ia evitado a matança de tantos seres humanos.
    Parabéns pelo artigo. É sempre um prazer conhecer estes factos. Também não sabia que se tinha suicidado tal como a sua esposa. Porém, fê-lo demasiado tarde porque já tinha semeado o terror pelo mundo inteiro.
    Continuação de boa semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Além do seu suicídio e de sua mulher (Eva Braun), Joseph Goebbels (Ministro da Propaganda) e sua esposa, Magda Goebbels, também se suicidaram juntamente com seus seis filhos pequenos no mesmo bunker em Berlim.
      Grato por participar do Blog.

      Excluir

Olá! Muito obrigado por ler meu Blog. Seja muito bem-vindo!

Postagem mais recente Página inicial